CDS-PP rejeita demagogia e promete "campanha limpa" e "com elevação"

CDS-PP rejeita demagogia e promete "campanha limpa" e "com elevação"

Por / Política / segunda, 24 julho 2017 06:00

Foi na noite da passada Sexta-Feira, dia 21 de Julho, que decorreu no auditório da Biblioteca Municipal de Oliveira de Azeméis a apresentação da candidatura à presidência da Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis do candidato do CDS-PP, Pinto Moreira, líder da Comissão Política Concelhia do partido.

Segundo Pinto Moreira, o próprio assumirá - caso ganhe - a gestão financeira do Município e todas as áreas de desenvolvimento do território. A Educação, Juventude e Desporto fica entregue a Maria João Bastos, professora, o Desenvolvimento Económico, Inovação e Competitividade fica a cargo de João Campos, empresário, a Família, Saúde, Acção Social e Qualidade de Vida está entregue a Sylvie Rodrigues, educadora social, e o Património, Arte, Cultura e Urbanismo está assegurado por Susana Mortágua, arquitecta.

“É preciso que as pessoas saibam efectivamente o que está em causa. Que saibam que cada voto no CDS conta e que nós só os conseguimos representar se tivermos a sua confiança”, referiu João Almeida, deputado do CDS-PP na Assembleia da República, também presente. Segundo o deputado sanjoanense, a representação nas eleições autárquicas faz-se de proximidade e é essa a proximidade que têm os candidatos do CDS-PP. “É essa a proximidade que querem ter não só como candidatos, mas principalmente como autarcas”, vinca.

Para Nuno Melo, vice-presidente do CDS-PP e eurodeputado, também presente, “Pinto Moreira é um homem polivalente que surpreende com as imensas tarefas que desempenha”. E assegura: “em qualquer acontecimento que tenha lugar nesta terra, por mais grave que seja, Pinto Moreira não correrá a pedir estudos de opinião. Seguramente que não irá de férias e, se for, será o primeiro a voltar”. O eurodeputado falou também da colega de trabalho, a oliveirense Ana Pedro, candidata, com Pinto Moreira, à Assembleia Municipal. “Tenho particular gosto em apresentá-la. A Ana Pedro é um caso sério de vida, que tem muito a dar à política e, se tudo correr normalmente, terá um grande futuro nesta, como já tem na sua profissão. A Ana Pedro é uma jurista de mão cheia”, afirma.

“Agradeço a escolha e a confiança para o privilégio que me é conferido, o de poder continuar a servir o meu concelho. Um concelho de 19 freguesias, um concelho de 19 vidas”, começou Pinto Moreira. “A ambição é máxima, a determinação é grande, a coragem e o amor ao meu conselho são incomensuráveis”, refere o candidato. Este não entra na corrida “sem saber o que está em causa” e revela possuir “experiência suficiente para avaliar a situação”. “Conheço muito bem todo o Concelho, conheço as grandes necessidades das pessoas e sei o modo mais eficaz de as resolver”. De acordo com o líder da Concelhia oliveirense do CDS-PP, esta é uma candidatura que se dirige de forma livre, independente e voluntária a todos aqueles que querem alguém diferente, com ideias diferentes, com experiência e com o distanciamento necessário das querelas de “partidarite”. Pinto Moreira revela inclusivamente que está disposto a incluir no executivo municipal vereadores de outros partidos políticos, “se achar que as suas competências humanas e técnicas podem ser uma mais-valia para o progresso do concelho. Os interesses do concelho têm de estar sempre em primeiro lugar”, aponta.

Economia, mobilidade, ambiente e educação no centro das promessas centristas

As promessas de Pinto Moreira para o seu mandato centraram-se à volta de alguns pontos fundamentais. O candidato pretende garantir a sustentabilidade financeira da autarquia, exigindo rigor e total transparência no saneamento financeiro das contas da mesma, “para se poder saldar cerca de 25 milhões de euros de dívida”. E prossegue: “pretendemos, a partir do primeiro ano de mandato, implementar o Orçamento Municipal Participativo, no qual os cidadãos serão chamados a propor e escolher directamente um conjunto de obras a realizar”. Pinto Moreira promete igualmente aumentar o valor de transferências de dinheiro para as Juntas de Freguesia. Nos campos da economia, competitividade, conhecimento e inovação, o centrista pretende avançar rapidamente para a infra-estruturação e requalificação de todas as zonas industriais do concelho, assim como pretende que os serviços municipais dêem uma resposta rápida a todas as solicitações dos empresários para a legalização das suas obras. Quer igualmente patrocinar a criação de um fundo de investimento financeiro na área do concelho, criar incentivos fiscais e de outros tipos para os jovens que se queiram fixar no concelho e desbloquear a situação de impasse relativa ao antigo centro de saúde, para que seja implementada uma loja do cidadão. “Iremos continuar e desenvolver o Programa ‘Aproximar Educação’ da Câmara Municipal, defender o Hospital de S. Miguel, continuar a dar incentivos às famílias aquando do nascimento de filhos e alargar as redes de saneamento e de abastecimento de água ao maior número possível de famílias”, garante o democrata-cristão. Reabilitar e modernizar a antiga EN1 com “passeios e acessos condignos ao centro da cidade”, concluir o troço final da Via do Nordeste entre Cesar e Fajões, garantir que o Governo assume a construção de uma via rodoviária estruturante a poente entre Santiago, Cucujães, com ligação a Ovar e à A29, fazer com que a Área Metropolitana do Porto assuma uma linha de caminho de ferro do Vale do Vouga eficiente e rápida até ao Pinheiro da Bemposta e alargar a rede de transportes públicos municipal com novos percursos do Tuaz são mais algumas das ideias constantes do programa de Pinto Moreira para o concelho de Oliveira de Azeméis. “Queremos fazer a manutenção e reparação de estradas e arruamentos de forma contínua, ao longo de todo o mandato, e acabar com a função de cantoneiro tapa-buracos e com o acabar de obras à pressa e em modalidade de ajuste directo em período de eleições”, acrescenta.

“Prometemos um programa sem demagogia e prometemos uma campanha limpa e com elevação. Queremos acreditar Azeméis”.

Deixe um comentário

Aveiro

Parcialmente Nublado
9°C
W a 12.87 km/h /99%
Quinta
9°C / 15°C
Sexta
8°C / 15°C
Sábado
8°C / 17°C
publicidade
  • Popular
  • Comentários

Please publish modules in offcanvas position.