E lá ganhou o PS as eleições

E lá ganhou o PS as eleições

Por Nuno Araújo / Opinião / segunda, 30 outubro 2017 09:36

“Talvez fosse bom acontecer algo impensável nesta terra: dar uma vitória ao PS e mudarmos de paradigma. Seria pedagógico… “. Em Fevereiro deste ano, terminei desta forma um artigo neste jornal, bem antes dos ânimos aquecerem e muitas surpresas mudarem o decurso da tendência histórica do voto local.

O mantra que guiará Joaquim Jorge e a sua equipa nestes próximos quatro anos é fazer de Oliveira de Azeméis um dos melhores concelhos para viver, investir e trabalhar. Compromisso assumido durante a campanha e que ramificará em políticas e iniciativas que foquem a concretização de tal desígnio. Assim esperam os oliveirenses que votaram no presidente a sério, aguardando que as propostas assumidas durante a campanha eleitoral se concretizem, ou pelo menos iniciem. Eu espero para ver, e continuarei a escrever aquilo que penso e sinto em relação à minha terra, exercendo o direito cívico à livre opinião, tão cara aos “democratas” que invariavelmente a defendem e raramente a suportam…

Existirão, com certeza, prioridades estabelecidas pelo novo executivo e talvez as primeiras se centrem no que realmente se passa na Câmara Municipal: dossiers, contas, informação, gestão, pessoal, procedimentos, etc., e admito que esta tarefa não será fácil. Mas, paralelamente ao necessário, há a gestão corrente, os compromissos assumidos e as solicitações dos munícipes. Existem algumas situações prementes que, no meu entender, exigem uma atenção redobrada e que merecem análise:

- A vergonha do negócio entre a Câmara Municipal e a Indáqua não trouxe qualquer benefício para o município. Além disso, há coisas que não são passíveis de privatização, concessão, ou outro modelo de gestão privada. A água é uma delas. Ora, há que tentar reverter este processo e municipalizar, afastando definitivamente a Indáqua desta equação.

- Já sugeri a demolição da Estalagem de São Miguel num artigo. Numa vã tentativa de chamar a atenção para a recuperação deste espaço, apelo, novamente, para que deitem abaixo este edifício abandonado. Quando as máquinas chegarem, talvez nos acorrentemos às portas. Ou não!

- A promessa socialista de uma praça maior no actual terreno (privado) que serve de parque de estacionamento aos funcionários parece-me inconsequente de momento, para além de duvidar da sua exequibilidade no que à parte financeira diz respeito. O chamado centro histórico de Oliveira de Azeméis tem uma série de edifícios ao abandono, pouco movimento de pessoas e um comércio que necessita de ajuda. Talvez seja mais sensato começar por aqui!

- Que não venha o tal parque urbano prometido (resta também saber como vão comprar certos terrenos para tal obra, mas pronto…). Gostaria de ter mais parques/espaços verdes e de lazer, do que propriamente uma grande zona verde numa localização mais afastada do centro. No meu entender, não serve os propósitos para recuperarmos a centralidade. 

- Acessibilidades e mobilidade entre as freguesias. Virão as pessoas do nordeste e norte ao centro de Oliveira? Claro que vêm, mas muito menos do que a São João da Madeira. Os esforços para termos um centro coordenador de transportes com carreiras eficientes é uma prioridade, começando por aquelas que efectivamente trazem mais pessoas ao centro. A mobilidade das freguesias para o centro é difícil e penosa, mas fundamental para que mais vida exista em Oliveira de Azeméis.

- O antigo centro de saúde deveria ser ocupado pela juventude. Uma ocupação simbólica que alertasse quem de direito para a resolução do impasse burocrático que ainda não possibilitou a transferência de propriedade para o município. Para além das nossas associações de estudantes andarem a dormir, o novo executivo tem a possibilidade de falar com o governo sobre esta situação e resolvê-la. Será uma boa forma para Joaquim Jorge mostrar a sua influência a nível nacional e resolver um impasse que dura há anos!

Voltando ao princípio do texto, que venha a pedagogia e a mudança de paradigma. Também espero para ver... 

Deixe um comentário

pub
Landeau Therapie
  • Popular
  • Comentários

Please publish modules in offcanvas position.